2008/02/18

Freespeech - o Fim do CAD



Amanhã, no freespeech, no Estaleiro do Naval Rocha do Conde de Óbidos, em Lisboa.

Para quem me quiser aturar....

2 comentários:

Tiago disse...

Fim do CAD!

Bem está mais do que visto que o cad está morto, sim!

Portanto a questão é: qual o melhor e o mais completo programa 3D/BIM?

Como utilizador de archicad, interrogo-me frequentemente se este é o melhor programa, sei qual é a sua resposta, mas ainda assim, vou perguntar.


Será o melhor?

Que pc ou mac temos de possuir para não ter de esperar horas!, quando mesmo um de 5000€ parece ser fraquiiiiinho!


Até que ponto os automatismos, cada vez mais introduzidos, são mais sinónimo de falta de liberdade e complexidade, do que de facilidade.

Lembro-me relativamente a este ponto, a LUTA para manter um determinado espaço, e todos os seus componentes, num determinado piso! Problema constante quando falamos em edificios num determinado loteamento, quando estes se encontram a diferentes cotas. Pretendia mostrar o primeiro piso de todos os edifícios. Bem, foi uma experiência, que me fez recordar o "The Blair Witch Project".

Parece-me que há uma regressão, quando comparo o archicad 9 aos seguintes.

E quando me falam em rabbit da autodesk, estas coisas parecem não existir! tempo à espera! O que é isso?

Árvores que deitam abaixo qualquer pc ou mac! O que é isso?


Quinteiro Lopes

Miguel Krippahl disse...

Viva

Qual é o melhor programa BIM?
Qual é o melhor carro? Qual é a melhor roupa? Qual é o melhor candidato a primeiro ministro?

São perguntas que não fazem sentido.
A pergunta deve ser Qual é o melhor programa BIM para fazer este projecto nestas condições com estes recursos, este cliente, este tempo, etc?

Nesse sentido, cada arquitecto tem que fazer uma opção, que é inevitávelmente pessoal e subjectiva.

Quanto ás lutas que todos temos com o software, elas existirão sempre, com todos os softwares. Nunca devemos forçar o sw a fazer aquilo que ele não sabe, e devemos estar sempre atentos para utilizar as ferramentas mais adequadas para cada situação. É um processo constante de aprendizagem.

Quanto ao rabbit, the grass is allways greener on the other side of the road, ou, portuguesmente falando, o burro da vizinha tem a dele maior do que a minha....